Principais Variedades de Aceroleiras Cultivadas no Submédio do Vale do São Francisco

· Trabalhos técnicos
Authors
Os frutos da aceroleira são conhecidos por seu elevado teor de vitamina C, além de serem fonte de vitamina A e de antioxidantes. No Submédio do Vale do São Francisco, em especial no polo Petrolina-Juazeiro, a principal mesorregião produtora do Brasil, a aceroleira pode produzir até oito safras por ano, sendo uma importante cultura para os pequenos produtores e ajudando a fixar as pessoas no entorno dos perímetros irrigados. Nesse trabalho, elaborado pelos pesquisadores da Embrapa Semiárido, são apresentadas as oito cultivares de aceroleira cultivadas no Submédio do Vale do São Francisco. As cultivares Junco, Flor Branca, BRS Sertaneja, Costa Rica, Okinawa, Nikki, Coopama n°1 e BRS Cabocla são descritas com base em observações morfológicas feitas a campo, em resultados de avaliações físico-quimicas e considerando informações disponíveis na literatura. O trabalho na íntegra pode ser acessado aqui.    

Leave a Comment